Publicado en línea el Jueves 17 de septiembre de 2020, por InfoMoney

SÃO PAULO – O Ibovespa Futuro abre em queda nesta quinta-feira (17) seguindo o desempenho negativo dos futuros das bolsas dos Estados Unidos. Embora seja boa para o mercado a sinalização feita pelo Federal Reserve ontem de que as taxas de juros permanecerão perto de zero pelos próximos três anos, os investidores estão preocupados com as entrelinhas de todo esse relaxamento monetário.Prevalece nas bolsas mundiais o temor de que o Fed só esteja tão dovish (favorável a usar a política monetária para estimular a economia) porque as perspectivas para a atividade econômica no pós-pandemia estão mais sombrias do que as autoridades querem deixar transparecer.Por aqui, o Comitê de Política Monetária (Copom) fez o esperado e manteve a taxa básica de juros, Selic, em 2% ao ano. A avaliação dos economistas é de que o comunicado continua reforçando um forward guidance de que os juros vão continuar baixos por bastante tempo.

Às 09h08 (horário de Brasília) o contrato futuro do Ibovespa para outubro tinha queda de 0,87%, aos 98.830 pontos.O dólar futuro para outubro tem alta de 0,52%, a R$ 5,268.No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2022 tem baixa de dois pontos-base a 2,87%, o DI para janeiro de 2023 ganha três pontos-base a 4,26%, o DI para janeiro de 2025 avança cinco pontos-base a 6,16% e o DI para janeiro de 2027 varia positivamente sete pontos-base a 7,16%.Outro destaque é a notícia de que o presidente Jair Bolsonaro foi intimado pela Polícia Federal a depor no inquérito que apura a denúncia do ex-ministro da Justiça Sergio Moro de uma suposta interferência no órgão. Como resposta, o presidente Jair Bolsonaro com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo para a prestar o depoimento por escrito.No mercado de petróleo, os preços caem devido à preocupação sobre a baixa demanda por combustíveis. O WTI cai 0,30% para US$ 40,04 por barril, enquanto o tipo Brent recua 0,31% para US$ 42,09 por barril. O minério de ferro também mostra queda. Os futuros negociados na bolsa de Dalian fecharam em baixa de 2,71%, a 790.000 iuanes, equivalente hoje a US$ 116,69.Presidente sob pressãoO presidente Jair Bolsonaro foi intimado pela Polícia Federal a depor no inquérito que apura a denúncia do ex-ministro da Justiça Sergio Moro de uma suposta interferência no órgão. Como resposta, o presidente Jair Bolsonaro com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo para a prestar o depoimento por escrito.

O ofício da PF chamou o presidente a um ato interrogatório nos dias 21, 22 ou 23 de setembro de 2020, às 14 horas. De acordo com o Estado de S.Paulo, o pedido de depor por escrito foi baseado em uma decisão de 2017 que permitiu a Michel Temer fazer o mesmo.Ao mesmo tempo, a PF intimou os filhos do presidente – o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) e o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) – a depor como testemunhas no inquérito que apura a realização de atos antidemocráticos. O pedido de investigação foi apresentado depois de atos que defendiam o fechamento do Congresso Nacional e do STF, além de pautas antidemocráticas.Outro destaque é a informação de que o presidente pretende fazer um corte bilionário em despesas da Educação, de programas sociais, e de ministérios como a Agricultura para turbinar o Plano Pró-Brasil de investimentos públicos e outras ações apadrinhadas pelo Congresso Nacional.De acordo com O Estado de S.Paulo, o corte foi definido em reunião da Junta de Execução Orçamentária (JEO). O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e o Ministério da Infraestrutura receberão R$ 1,6 bilhão cada. Já o Congresso ficará com R$ 3,3 bilhões. Nos cortes, a maior redução, de R$ 1,57 bilhão, é prevista no Ministério da Educação. O Ministério da Defesa sofreu corte de R$ 430 milhões.Novo programa socialOntem, o senador Márcio Bittar (MDB-AC), relator do Orçamento de 2021, disse que o presidente autorizou a criação de um novo programa social no seu relatório. No entanto, ele evitou detalhar valores e as origens de recursos para viabilizar o programa.Além disso, foi noticiado que a segunda fase de pagamento do auxílio emergencial de R$ 300, que vai até dezembro, vai deixar de fora um universo de seis milhões de pessoas, segundo estimativas do Ministério da Cidadania.O mercado segue acompanhando os passos da equipe econômica do governo. Ontem, a equipe do ministro da Economia, Paulo Guedes fez uma reunião de quatro horas em Brasília, mas não falou com a imprensa.Segundo a Folha de S.Paulo, o ministro mudou de estratégia e quer que o presidente dê aval a suas propostas, com líderes partidários, antes que elas sejam divulgadas. Na terça-feira (15), Bolsonaro ameaçou o time de Guedes com “cartão vermelho” caso fossem feitas propostas de criação do Renda Brasil com cortes em outros programas sociais.

Existem rumores sobre uma possível saída do secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues. Foi ele quem falou sobre um possível congelamento de aposentadorias para bancar o Renda Brasil, mas a medida foi publicamente criticada pelo presidente, que decidiu encerrar os planos de criar o programa.De acordo com O Globo, Guedes aguarda um pedido de demissão do secretário, e a equipe econômica estaria tentando construir uma saída honrosa para Waldery, como um cargo em organismo internacional, por exemplo.Radar corporativoNo noticiário corporativo, a Copel anunciou que o preço mínimo de venda da Copel Telecomunicações será de R$ 1,4 bilhão. O leilão pela empresa deve ocorrer no dia 09 de novembro de 2020. Outro destaque foi a captação de US$ 500 milhões pela BRF no mercado externo, por meio de senior notes.Além disso, a Eletrobras teve seu rating elevado pela agência de classificação de risco Moody´s, de “Ba3” para “Ba2”. A agência também aumentou a avaliação de crédito básica da empresa (BCA) de “b1” para “Ba3”. A perspectiva para todos os ratings foi alterada de positiva para estável. Os investidores aguardam hoje a fixação do preço por ação em IPO da Cury após bookbuilding.

Fonte: InfoMoney

The post Ibovespa Futuro cai em meio a temores de que postura do Fed reflita fraqueza econômica à frente; dólar sobe appeared first on Adital .


[ Imprimir este artículo ] [ Enviar a un amigo ] [ Ir a la cabecera ]
 

 
 

   APPS

   ASIA

   DEMOCRACIA

   DERECHOS HUMANOS

   DESARROLLO/GLOBALIZACIÓN

   DIÁLOGO NORTE-SUR

   ECOLOGÍA VS ECONOMÍA

   ENLACES - LINKS

   ESTADÍSTICAS

   EUROPA

   LATINOAMÉRICA

   OLVIDADOS POR LA HISTORIA

   SOLIDARIDAD

   TRIBUNA LIBRE



LISTA DE CORREO


�Desea participar al enrequecimiento de esta p�gina?

�Quiere denunciar alguna situaci�n?

Env�enos su art�culo a esta direcci�n de correo electr�nico:

   webmaster@respublicae.org

[ Mapa del sitio ] [ Ir a la cabecera ]

 


 
En la misma sección

Leer otros artículos :
Turquía: Periodistas condenados a cadena perpetua en un día aciago para la libertad de prensa
Déclaration de Donald Trump reconnaissant Juan Guaido en qualité de président par intérim du Venezuela, par Donald Trump
Marruecos: Decenas de personas detenidas por las protestas masivas en el Rif, torturadas bajo custodia
15/07/16 - Espiritualidad en tiempos de crisis
Se anuncia la primera cumbre global sobre derechos humanos y cambio climático
Unión Europea: Los dirigentes europeos deben reparar un “sistema fallido” que deja a personas a la deriva en el mar
23/03/16 - [Berta Cáceres] Antes que nos vayamos a descansar y olvidemos...
Syrie : la paix suppose la condamnation internationale de l’idéologie des Frères musulmans, par Thierry Meyssan
Irán: La detención de la destacada abogada defensora de los derechos humanos Nasrin Sotoudeh es indignante
Vacina chinesa não teve efeito colateral em 94,7% dos testados, diz estudo

EN LA RED :
Campagne médiatique antichinoise organisée par l’Australie
Londres a organisé des attaques contre Moscou (Lord Sedwill)
Qu’est-ce qui intéresse les Russes dans la guerre du Haut-Karabagh ?, par Valentin Vasilescu
Covid : un couvre-feu pour quoi faire ?, par Thierry Meyssan
Selon Washington, c’est l’Azerbaïdajan qui ne respecte pas le cessez-le-feu
Ilham Aliyev : « Il n’y aura pas de référendum [au Karabagh], jamais ! »
L’Arménie et l’Azerbaïdjan sont les perdants et les États-Unis les grands gagnants, par Valentin Vasilescu
Karabagh : la Grèce, la Russie et la Turquie se préparent à entrer en guerre

[ Ir a la cabecera ]
 

Portada En breve Mapa del sitio Redacci�n


Respublicae.Org es un portal abierto que se nutre de los trabajos de muchos colaboradores ben�volos externos, de diferentes origen e ideolog�a. Por lo tanto, los administradores de este portal no se hacen responsables de las opiniones vertidas en los art�culos que aqu� se publican.
Copyright © RESPUBLICAE.ORG 2003-2007
Sitio web desarrollado con SPIP, un programa Open Source escrito en PHP bajo licencia GNU/GPL.
Dise�o © Drop Zone City & Respublicae.Org